Archive for Novembro, 2013

Image

Com certeza, uma das maiores dúvidas dos jovens hoje é: “Posso fazer uma tatuagem?” ou “Posso colocar um piercing”? Geralmente eu respondo assim:

Você já se perguntou como era Jesus? Quando você se depara com imagens esculpidas ou pintadas de Jesus você se pergunta: Será que ele era assim? Cabelos longos, barba, olhos claros… Eu sempre me perguntei: “Por que as escrituras não dizem nada sobre a aparência de Jesus?” Quatro evangelhos, quatro escritores, e nenhum deles usa nenhuma frase para dizer como nosso Salvador era. Por que?

Como Jesus era por fora eu não sei, mas eu sei que o seu interior era tão lindo, mas tão lindo, que não compensava gastar uma frase falando sobre o seu exterior. Os escritores do Novo Testamento ficaram tão impactados com o conteúdo de Jesus, que se esqueceram de mencionar sua aparência. As páginas da biografia de Jesus foram gastas apenas para falar do que realmente importava, seu coração.

Se alguém fosse escrever uma biografia sua, quantas páginas seriam gastas para falar do seu exterior e quantas seriam necessárias para falar do seu interior? Como você é conhecido? Como as pessoas lembram de você? O rapaz das roupas bonitas? A moça do cabelo vermelho? A menino de boné? A menina da maquiagem? O que é mais marcante em você? Sua aparência ou seu interior?

Certa vez, eu me peguei com uma dúvida: “Por que existem pessoas bonitas e pessoas feias?” Por que algumas pessoas são mais favorecidas fisicamente e outras não. Mas o Espírito Santo me fez entender ao ler este versículo.

Mas o Senhor disse:
— Não se impressione com a aparência nem com a altura deste homem. Eu o rejeitei porque não julgo como as pessoas julgam. Elas olham para a aparência, mas eu vejo o coração.

1Sm 16:7

Ao criar o homem, a vontade de Deus era que ele fosse admirado e reconhecido pelo que ele era e não pela forma que ele aparentava. Infelizmente, este mundo tem conseguido plantar dentro de nós que devemos valorizar mais a embalagem do que o conteúdo. Passamos horas e gastamos fortunas investindo em algo que vai voltar a ser pó da terra daqui a alguns anos. Porém, gastamos tão pouco tempo investindo naquilo que vai durar ETERNAMENTE. Lembre-se, Deus não vê como o homem vê, Ele vê o seu coração.

“Fazer uma tatuagem ou colocar um piercing é pecado?”

Me perdoe lhe frustrar, mas eu não sei lhe responder. Eu não sei lhe dizer se o que você quer fazer com o seu exterior é certo ou errado. Mas eu sei o que você pode fazer com o seu interior. Eu sei o que você poderia fazer para agradar o coração de Deus e faze-lo sorrir. Invista no que é eterno. Seja o mais parecido possível com o primogênito dEle. Seja uma cópia de Jesus.

Jesus Copy

Read Full Post »

Image

Digite aqui uma indireta para alguém.

Poderia ser a frase de abertura de qualquer atual site de redes sociais. Mas mais do que isso poderia ser a frase que a gente anda colocando como a principal no manual de instruções do que devemos estampar no coração da gente. Estamos lotando nossas falas, textos, fotos e pensamentos de indiretas. É como se a nossa vida virasse uma metáfora para o que sentimentos e por medo e covardia a gente calasse a verdade. Se o amor hoje em dia pudesse ser classificado em uma Era, seria a Era da Indireta. Talvez a Era da Paranóia (o que vão pensar do que eu falar?/será que falaram isso para mim?). É um tempo de amores que terminam antes de começar, porque o outro não nos dá a chance de conhecer quem realmente somos e se o que ele acha que somos não vale a pena, ele acha que não vai dar certo. E, sem conhecer, a gente segue achando sem nunca encontrar. Não adianta falar para o mundo inteiro e esquecer de dizer a quem de fato precisa. Não adianta achar que o outro sabe do que você fala, você não pode oferecer charadas ou adivinhações ao invés de amor e confiança.

Você não tem coragem de dizer a alguém que está apaixonado, pois tem medo de assustar. Não tem problema, algum trecho de música, filme, seriado, novela, livro, poema ou frase de pára-choque de caminhão pode ser publicada na Internet e, pronto, sua paixão está declarada. A saudade aperta e tudo perde um pouco a graça sem alguém ao seu lado. Mas dizer que sente falta pode soar desesperado, imaturo ou humilhante. Então, poucos dizem e muitos compartilham alguma foto em preto e branco e… concluído, já disse ao mundo que está tudo cinza, cinza de saudade.  Você erra e para não pedir perdão usa um contato mantido sem qualquer razão como indireta para dizer “me desculpa?”. Você não tem a honestidade suficiente de dizer a alguém que não gostou do físico dela quando a conheceu pessoalmente ou que por qualquer outro motivo não está mais a fim. Ao invés de dizer claramente “não” você usa seu silêncio como indireta. Ou você inventa alguma desculpa, tudo para não assumir que é apenas covarde.

Eu sei, a gente usa indireta para ver se a vida endireita e por mágica fica como a gente quer, a gente usa desculpas para tentar não magoar alguém e ter depois que de fato se desculpar pela dor causada. Eu sei, mas não basta, não basta porque o outro precisa entender. Você pode duvidar, mas distância nem sempre é a indireta perfeita para dizer que não está mais a fim ou para expressar que você foi magoado, da mesma forma estar sempre presente e disposto não é a indireta certeira para afirmar que você ama alguém. Isso tudo é só ter medo e deixar de dizer, é fugir, escolher ter e oferecer dúvidas. E criar um novo problema nunca foi a melhor solução.

No amor, pode não haver tempo. Pode não haver tempo não porque você vai morrer amanhã, mas porque alguém que você ama pode acabar desistindo de viver hoje ao seu lado. Pode não ter mais perdão para suas desculpas, pode não ter mais como endireitar o que você perdeu por tanta indireta. Amor não pode ser algo que se passa somente dentro da sua cabeça e que somente você vai entender. Amor precisa sim ser dito, ser claro ao ponto de quase ser clichê. Eu disse quase.  Às vezes as pessoas não estão prontas para ouvir a verdade ou as verdades do que sentimos, mas ainda assim diga e, se preciso, grite.

Digite aqui o você de fato sente por mim, para abrir a porta e poder ficar.

Ruleandson do Carmo

Read Full Post »